Existem várias formas de decorar uma casa. Do estilo escandinavo, ao industrial, passando pelo eclético, o importante é sentir-se confortável no seu espaço. Apesar de cada estilo decorativo ter traços muito específicos, é sempre possível misturá-los para conseguir uma decoração ainda mais personalizada. Inspire-se na nossa seleção:

Industrial

industrial

De linhas clean e materiais crus, o estilo industrial caracteriza-se pela predominância de tons pretos, cinza e brancos. A génese desta decoração está nos espaços amplos como armazéns, fábricas e garagens, por isso, o conceito “open space” é um dos seus pilares. Aconselha-se a aplicação estratégica de focos de luz, para evitar que os espaços pareçam demasiado unidimensionais.

French Country Style

french style

Inspirado nas casas das aldeias francesas, este estilo define-se pelos tons pastel, pela mistura de padrões e elegância dos acabamentos rústicos, de que são exemplo os azulejos. O aspeto das casas de campo com traços de modernidade permite criar ambientes confortáveis, propícios ao descanso e ao relaxamento.

Escandinavo

Simples, contemporâneo e funcional, este estilo de decoração é caracterizado pela conjugação de materiais orgânicos e artificiais. A maioria dos interiores com este estilo adotam como tons principais o cinzento, o branco, em visuais muito clean e minimalistas. O aconchego é o principal mote deste estilo, não fossem os nórdicos os maiores fãs do famoso “hygge”.

Náutico

náutico

Brancos, beges e azuis sobressaem neste estilo que reflete muito as decorações das casas de praia. Esta influência decorativa propõe elementos como cordas, âncoras, mapas náuticos e redes, mesmo que de forma mais estilizada.
A luz natural é um fator muito importante em espaços de decoração náutica, assim como os têxteis e mobiliário brancos, que rentabilizam a luminosidade.

Boho-chic

 

boho-chic

Este é um estilo descontraído, algo despreocupado, que conjuga várias cores, padrões e texturas. Os padrões étnicos e tribais são privilegiados. Por norma também se incluem plantas neste estilo decorativo, o que dá um ar mais fresco e dinâmico aos espaços. O que diferencia este estilo do simples Boho é a inclusão de elementos clássicos, como candeeiros e molduras.

Eclético

Este é o estilo que mais liberdade lhe dá, porque não tem tendências definidas. Existem algumas diretrizes, mas o intuito deste estilo é misturar os traços que mais lhe agradam em cada estilo, para criar uma decoração muito personalizada e original. Divirta-se a conjugar cores, padrões e materiais, mas não queira usar tudo ao mesmo tempo, para não perder a consistência dos espaços. Opte por um fundo mais clean, destaque uma peça em particular ou opte por mesclar apenas dois ou três estilos. É importante que ao tentar atribuir personalidade aos espaços não caia no erro de deixar tudo uma tremenda confusão.

Siga a nossa página de facebook e conheça outras sugestões de estilos decorativos.